terça-feira, 8 de janeiro de 2008

AVE E ÁGUA

*
*
*
*
*
Dikako
*
( para Diana )
*


A risonha passarinha
Dikako
chegou e partiu
como fazem as garças
mas deixou tudo de si:
*
a imagem refletida
na água
um silêncio branco
a leveza das penas
seu olhar
em meus olhos
um gosto na boca

Esta noite
um sapo coaxará
na lua cheia
e sua pele fria
e verdoenga
de sapo
recordará
do calor de seus esses

A poça
jamais será a mesma
E nem a pedra

Só os fósseis
dormirão
*
*

2 comentários:

Alice disse...

bjo bjo bjo muitos bjos pra ti.

douglas D. disse...

bonito!